A culinária holandesa tem como ingrediente principal a batata, que, geralmente, vem acompanhada de carnes e vegetais cozidos. Os temperos picantes não costumam fazer parte dos componentes dos alimentos.
As especialidades mais conhecidas dos Países Baixos são o arenque cru, as enguias fumadas e a sopa de ervilhas. Os queijos também fazem parte das suas tradições culinárias e os mais populares são o Edam e o Gouda.
Outras refeições muito comuns na Holanda são:
krentenbroodjes (bolo com passas)
broodjes (sanduíches)
hutspot (batatas, cenouras e cebolas)
klapstuk (um acompanhamento feito de carne de vaca cozida)
boerenkool met rookworst (repolho crocante e batatas servidos com salsicha defumada).
Quanto a sobremesas, as favoritas dos holandeses são: flensjes ou pannekoeken (25 variedades de panqueca holandesa), wafels met slagroom (wafles com creme de chantilly), poffertje (bolinhas de farinha fritas e cobertas com açúcar) e spekkoek (uma espécie de bolo de bacon).
O consumo de lacticínios como leite, queijo, requeijão e derivados é bastante comum entre os holandeses. É por isso que alguns cientistas afirmam que os lacticínios contribuem para a sua elevada média de altura.
Em relação às bebidas, a cerveja holandesa é muito famosa e servida gelada e em copos pequenos (een pils). As cervejas de sabor suave mais conhecidas são a Heineken e a Amstel. As mais fortes são a Oranjeboom e a Grolsch. A ginebra (jenever) é outra das bebidas mais populares da Holanda.
As mulheres são normalmente as que se sentam primeiro à mesa e não fica bem começarem a comer sem a dona da casa dizer "Eet smakelijk" (coma deliciosamente).
Tal como nos diz Van Gogh através do título de um dos seus mais famosos quadros, os holandeses são "Aardappeleters", ou seja, "comedores de batatas".
De fato, as batatas são um ingrediente fundamental na culinária dos Países-Baixos, sendo frequentemente acompanhadas de carne e de vegetais cozidos.
Os holandeses não utilizam muitos condimentos na confecção de pratos, e gostam muito de juntar caldo de carne a tudo.
Hoje em dia, contudo, devido às fortes tendências expansionistas dos holandeses e aos inúmeros intercâmbios culturais, podemos encontrar influências de todo o mundo na culinária holandesa.
Como seria de esperar, num país onde a produção de leite e derivados é das mais elevadas da Europa, os ingredientes lácteos entram na maioria das suas preparações culinárias.
Como pratos holandeses mais conhecidos temos o Vla (pudim doce, muito espesso, à base de leite, que pode ser de chocolate, baunilha, morango, etc.), os Pofferties (panquecas pequenas que são servidas quentes, polvilhadas com açúcar), o Drop, (um doce - de alcaçuz - que tem imensas formas e sabores), a Salada Hussarda, o Stamppot (refeição rústica à base de batata esmagada, com inúmeras variantes, como Wortel Stamppot - de cenoura, Andijvie Stamppot - de endívia), geralmente acompanhado de Rookworst (um tipo de salsicha suculenta), as Patat, (batatas fritas, normalmente servidas com maionese e cebola), a Vaca Estufada, os Kroket e Frikandel (croquetes e pastéis de carne), o Haring (prato à base de arenque cru e cebola crua), o Vlaai (bolo ou tarte doce do Sul da Holanda com recheio de frutas e o Bluff à Haia.

Print Friendly and PDF

Um comentário:

  1. Dona Sinhá
    Como vai?
    Está bem de saúde?Espero que esteja bem.
    Gostei muito de conhecer a culinária holandesa.Parabéns pela pesquisa.Obrigada pela partilha.
    Tenha uma ótima 6ª feira.
    Quando tiver um tempinho,apareça no meu BLOG - VIDA E PENSAMENTOS
    http://pegadasdeanjo.blogspot.com
    Beijinhos da
    Beatriz

    ResponderExcluir

    Translate

    Compartilhe este blog

    twitter orkut facebook digg favorites mais

    Google+ Badge

    Já visitaram...


    localizar via ip

    Follow by Email



    Já viram esta cozinha ...

    Followers

    Agradecimento

    Agradecimento
    Agradeço eventuais matérias e ou fotos dando assim os também eventuais créditos. Se alguém, por qualquer motivo, achar que estou violando direitos autorais, entre em contato que a publicação será devidamente creditada ou ainda retirada.