Ai que saudade da comidinha lá de casa! Essa é a expressão mais usada dentre os que vem para a Austrália. Não que aqui coma-se mal, até pelo contrário, o que acontece é que as influências culinárias são bem diferentes da Brasileira ou da Portuguesa. A Austrália figura na lista dos países mais obesos no mundo devido ao hábito alimentar. Porém, cada vez mais nota-se um grande empenho de certa parcela da população e dos órgãos de saúde, em difundir melhor alimentação. Como aqui ninguém tem empregada doméstica para cozinhar e lavar a louça, muita gente usa o meio prático, que são os enlatados e comidas pré-prontas dos supermercados, ou ainda, compram as refeições já prontas nos Take-Away, Pizza Delivery, Fish & Chips, Italianos, Chineses, Fast Foods Americanos, Japoneses, Malásios, Indianos, e centenas de outras opções espalhadas pela cidade.  Alguns, preferem a nova onda de comidas orgânicas sem aditivos químicos ou antibióticos. Outra parcela, prefere comprar tudo fresco no supermercado, e cozinhar a própria refeição à moda antiga o que fica muito mais barato.

As principais diferenças de gosto dos produtos são:

Queijo (Prato) - Sabor menos acentuado e praticamente sem sal. No caso da Mozarela, até hoje estamos tentando achar um comparativo, apesar que a da marca "Pantálica" ter um pouco mais de sabor. Queijos caros como os Suíços, possuem bom sabor. Existe um lei na Austrália que proíbe a fabricação de queijo com leite não pasteurizado, daí o gosto diferente.

Carne -  A maior parte do gado Australiano alimenta-se de ração com base em grãos ao invés de pasto, o que acarreta um sabor menos acentuado. É possível em açougues especializados, conseguir corte de gado de pasto. O corte, tambem é muito diferente da maneira empregada no Brasil. 
Frutos do Mar e Camarão - é vendido já cozido (a maioria) ou cru (bem mais caro), O cru ainda consegue um sabor razoável depois de pronto, mas o gosto do pré-cozido é fraquíssimo. Peixes - basicamente encontram-se filés já cortados e limpos. Para fazer postas de peixe ou comprar um peite inteiro, tem que pedir para o peixeiro, que irá olhar para você com cara de "não estou entendendo"...

Café - com exceção dos Cappuccinos e os servidos nas lojas de café (muito populares atualmente), os de casa são terrivelmente aguados e a maioria das pessoas tomam sem açúcar em copos grandes com leite frio pingado (ou chá com leite).

Pizzas - são em geral preferidas com várias coberturas diferentes, como Abacaxi, Carne, Galinha, Curry, Macarrão (você leu certo), Batata, Pimenta e muitas outras exóticos para você se aventurar e poucos pedem Margarita ou seja só de queijo. É preciso pedir para colocar orégano, e um pouco mais de sal, pois normalmente não vem, ou vem pouquíssimo. Você pode pedir que seja acrescentado um outro "Topping = cobertura extra", por pouco mais de 1 dolar. Restaurantes Italianos costumam oferecer uma Pizza decente.

O estilo típico australiano é o tradicional Carneiro assado com molho de menta e vinagre (lamb with mint souce), ou Porco com molho de maçã, acompanhados de batatas, cenouras e ervilhas (carne + 3 vegetais) tudo cozido ou assado, com muita gordura, e praticamente sem sal e temperos. A população ainda come esses tradicionais quase diariamente, mas para os mais novos, com a influência de cozinhas de todas as partes do mundo, principalmente da Ásia, come-se de tudo, com uma infinidade de produtos de todos os países. Só existem duas coisas que não podem faltar na mesa de um Australiano: a Batata e um Molho qualquer, em geral de tomate ou um barbecue sauce (molho marron).

Uma paixão Aussie é o Barbie (gíria para Barbecue BBQ ou churrasco. Normalmente é feito sobre uma chapa elétrica ou a gás, e usa-se bifes e salsichas, que são comidos, colocando-os sobre uma única fatia de pão de forma, e coberto com algum molho (normalmente Tomate). Se você for convidado(a) para um Barbie, é esperado que você leve a sua própria carne e bebida. Os Barbies acontecem por qualquer motivo e em qualquer lugar, e é muito comum nos jardins e parques da cidade, podendo reunir grande quantidade de pessoas. Praticamente todos os parques, possuem churrasqueiras (chapas) elétricas que funcionam com moedas.

Nada tenta tanto um australiano como comer um "Fish & Chips" . Essa herança inglesa vem da época da Segunda Guerra, quando a maior parte das carnes e da comida era enviada para as tropas em combate. Batata era o que não faltava, e peixe também pela abundância no mar do Norte. Pegava-se ambos e fritava-se no óleo quente para economizar combustível. Hoje, empana-se os filés (de lulas e mariscos também) e você pode escolher o peixe na hora, sendo que cada um tem um preço diferente de acordo com a qualidade. Serve-se com batatas fritas e algumas vezes com salada de alface. É bastante oleoso, e segundo os nutricionistas não faz muito bem à saúde. Porém, o prato é preferência nacional e você irá encontrar uma loja de Fish & Chips praticamente em cada esquina.

Outro produto típico é o Vegemite®  que é uma pasta marrom escura, feita à base de trigo para passar no pão. Você não vai se esquecer do gosto por um bom tempo, mas pelo menos tem muita vitamina "B" (o alimento com maior concentração de vitaminas do complexo B no mundo). Pelo amor de Deus não vá passando no pão como se fosse requeijão, senão você ter uma cãimbra em suas papilas gustativas. O certo é passar uma camada muito fina, só para temperar, pois a coisa é salgada e amarga. Muitos latinos não conseguem gostar nunca, mas com o tempo acostuma-se, e acaba-se como eu adorando. (devo ter enloquecido).

Outra preferência nacional são as Meat Pies, que é uma tortinha de carne moída vendida por nove entre dez lanchonetes e padarias, sendo consumidas às toneladas pelos australianos. Na cidade de Towsnville, experimentamos uma Meat Pie de Canguru e outra de Crocodilo....Nada mau!  Para se ter uma idéia da importância da Meat Pie na Austrália, a quantidade de carne é regulada por lei, e não pode ser inferior a 25% do peso total da torta. Competições para saber quem faz a melhor acontecem à nível estadual e nacional, que além de muito prestígio, pode trazer muito dinheiro aos vencedores com a venda de suas receitas secretas

Dica: O mexilhão da Nova Zelândia (casca ligeiramente esverdeada), é considerado um dos melhores e mais saborosos do mundo

Curiosidades: um hábito bem estranho é comer feijão doce com pão e batata frita com pão. As crianças, levam para a escola de lanche, sanduiche de macarrão (espaguete de lata com molho de tomate dentro do pão)

Sobremesas deliciosas:

Sticky Date Pudding – é um bolo gelado delicioso de tâmaras e molho de caramelo. Esse é mutio gostoso, e não da pra parar de comer (muitas calorias).

Bee Sting - bolo com custard (creme amarelo de baunilha). Vende-se em padarias, e também é bastante gostoso, apesar do creme engordar muito.

Pavlova - Uma torta doce, estilo suspiro com recheiro de Kiwi e limão. Deliciosa e leve. Não pode deixar de experimentar.

Print Friendly and PDF

Leave a Reply

    Translate

    Compartilhe este blog

    twitter orkut facebook digg favorites mais

    Google+ Badge

    Já visitaram...


    localizar via ip


    Já viram esta cozinha ...

    Followers

    Agradecimento

    Agradecimento
    Agradeço eventuais matérias e ou fotos dando assim os também eventuais créditos. Se alguém, por qualquer motivo, achar que estou violando direitos autorais, entre em contato que a publicação será devidamente creditada ou ainda retirada.